abril de 2017

Vereador Marcílio requer assessoria técnica para acompanhar obras do PAC em Teixeira de Freitas

 

 
O vereador Marcílio Carlos Goulart (PT), usou a tribuna da Câmara Municipal, na sessão plenária para chamar atenção dos colegas vereadores e da população da grande importância das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para Teixeira de Freitas.

O vereador que integrou a equipe da administração municipal anterior como secretário de administração e participou ativamente da conquista do PAC para o município, disse  que as obras do PAC irão mudar significativamente a infra-estrutura do município, onde os principais bairros da cidade serão beneficiados e a grande maioria dos problemas de alagamentos serão resolvidos.

A solicitação do vereador é para que a fiscalização do legislativo auxilie o executivo para que as obras não sofra modificações em seu projeto macro e por se tratar de recursos federais e uma obra de grande pujança, se faz necessário não uma fiscalização meramente política, mas sim técnica, onde os vereadores possam ficar respaldados no acompanhamento da obra.

A grande preocupação do vereador Marcílio Goulat é que por trata-se de uma grande obra, ela é liberada por etapas, e a liberação de cada etapa só é possível com a conclusão da etapa anterior seguindo as regras contratuais. “Não podemos perder estes recursos por erros. Por isso é preciso acompanhar e orientar. O zelo por seguir os critérios adotados no contrato é fundamental para o êxito da obra até o fim”, disse o vereador Marcílio.

O parlamentar solicitou a mesa diretora da Câmara Municipal esforços para que os vereadores fossem assessorados por uma equipe técnica para acompanhar as obras do PAC. E lembrou, que a fiscalização não prejudicará as ações do Poder Executivo Municipal, e sim, colaboraria com a execução da maior obra de infra-estrutura do Nordeste do Brasil.

O vereador Marcílio Goulat lembra que as obras do PAC prevêem em todas suas etapas beneficiar a população de Teixeira de Freitas, com obras de esgotamento sanitário, asfaltamento de ruas e avenidas, ordens de serviço de corredores de transporte coletivo, estruturação do trânsito, revitalizações de praças e investimentos em centros de lazer, de passeio com acessibilidade, drenagem superficial de guias e sarjetas, rede coletora de águas pluviais, 13,6 km de ciclovias, pistas de caminhada, parques verdes, sinalização viária e obras complementares.


A construção do sistema de mobilidade urbana de Teixeira de Freitas vai beneficiar diretamente 21.152 famílias, 64.661 pessoas acopladas no projeto e 157 mil habitantes indiretamente, por meio de um convênio firmado com o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), do governo federal. Inserido na segunda etapa do PAC 2 – Pavimentação e Qualificação de Vias Urbanas, o projeto é o maior de mobilidade e infraestrutura urbana da história da cidade.

 

Os investimentos do Programa Municipal de Teixeira de Freitas, denominado de “Saneamento Integrado na Bacia do Rio Itanhém” somam R$ 184.375.952,09 milhões, de recursos oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), do governo federal. A contrapartida do município é de R$ 7.560.000,12. E mais 13.140.000,00 para construção de 219 casas para as famílias que serão retiradas das áreas de risco onde as obras irão passar. O subtotal da obra é de R$ 205.075.952,19.

 

 

 

 

 

 


Imprimir Facebook Twitter Google