abril de 2017

Presidente Agnaldo da Saúde se reúne com ministro da Integração Nacional e absorve “Simpósio das Águas” pra Teixeira

 

O presidente da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, vereador Agnaldo Teixeira Barbosa, o “Agnaldo da Saúde” (PR), teve um encontro agendado com o ministro da Integração Nacional Helder Barbalho e com o líder nacional do seu partido, senador da república Magno Malta para tratar exclusivamente do tratamento jurídico dos recursos hídricos, planejamento cientifico, relatório técnico e da captação de recursos para revitalizar nascentes e rios do município.

 

No encontro com o ministro Helder Barbalho, com o senador Magno Malta e com técnicos do Ministério da Integração Nacional, o presidente Agnaldo da Saúde conquistou a realização para Teixeira de Freitas, de um “Simpósio das Águas” que gerará um estudo cientifico e um relatório técnico do problema da crise hídrica na região para captar recursos mediante projeto junto ao Ministério para revitalizar córregos, nascentes e principalmente a bacia do rio Itanhém.

 

O encontro do presidente Agnaldo da Saúde com as autoridades citadas foi durante um encontro sobre seca das regiões norte e noroeste do Estado do Espírito Santo, que ocorreu nesta última sexta-feira (07/04), no auditório da Faculdade Cricaré, em São Mateus, no extremo norte capixaba, ainda com participação dos senadores da república Rose de Freitas e Ricardo Ferraço, além de deputados federais, deputados estaduais e 38 dos 78 prefeitos capixabas.

 

O evento em São Mateus também reuniu profissionais ligados a recursos hídricos e meio ambiente, universitários, professores, empresários, vereadores, consultores ambientais, representantes de organismos não-governamentais, representantes dos órgãos de Governo em todas suas esferas, representantes de entidades usuárias dos recursos hídricos e demais recursos ambientais, empresas de consultoria em temas ambientais e demais interessados.

 

Conforme o presidente da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, vereador Agnaldo da Saúde, ele está trabalhando para o Poder Legislativo realizar em Teixeira de Freitas com a chancela tanto do Ministério da Integração Nacional, quando do Ministério do Meio Ambiente, o 1º Simpósio das Águas do Extremo Sul da Bahia, cujo Simpósio de Recursos Hídricos justifica-se pela necessidade de dar continuidade ao debate e a troca de experiências e conhecimento científicos e tecnológicos entre pesquisadores e profissionais da área, como ferramenta auxiliar na implantação dos instrumentos da política de gestão desse recurso.

 

Segundo Agnaldo da Saúde, foi pensando no papel da água como elemento vital para o desenvolvimento regional, especialmente no momento em que a região extremo sul da Bahia atravessa uma de suas piores secas da história, onde estima-se que o maior prejuízo econômico e ambiental da história esteja ocorrendo agora, aliado à necessidade de uma maior demanda desse bem público necessário para impulsionar o desenvolvimento da região, bem como nos desafios de integração entre as políticas públicas e o planejamento estratégico, que o tema central escolhido para o 1º Simpósio das Águas será “Governança da Água – Desafio para Integração do Extremo Sul no Presente e Futuro”.

 

O presidente Agnaldo da Saúde ressaltou a importância do privilégio de Teixeira de Freitas poder sediar um evento desse porte ainda neste primeiro semestre de 2017, tão positivo para a questão da água, uma pauta tão importante nos dias de hoje. “Como teixeirense e como parlamentar que busca fazer parcerias, já posso dizer que estamos muito felizes com o Simpósio, que tem caráter técnico científico e ajusta o foco para o nosso Estado no quesito ‘recursos hídricos’. A discussão tem que partir da sociedade, o Poder Legislativo vai ser o protagonista, vamos buscar recursos para recuperar nossos rios, mas a população tem que administrar o uso da água e evitar o desperdício”, alertou Agnaldo.

 

E acrescentou: “A riqueza do simpósio estará no envolvimento dos atores locais. Então, se os problemas são específicos, as soluções também são. Queremos buscar aprendizado do presente focando no futuro. A nossa região passa por uma longa estiagem, uma escassez hídrica, então a comunidade técnico científica precisa despertar interesse muito grande para trazer conhecimento, trocar experiência, debater todas essas questões de como fazer gestão de água em um momento como este”, enfatizou Agnaldo.

 

O ministro Helder Barbalho, da Integração Nacional, disse que a água tem que ser vista e tratada com a importância que ela realmente tem. “Não podemos sair dessa seca da mesma forma. Precisamos repensar os nossos usos da água. O caminho do desenvolvimento passa pela trilha da água. Terei o prazer de ir a Teixeira de Freitas atender o chamado do presidente Agnaldo e discutir este tema com a população e poder liberar recursos mediante projetos que forem me apresentados em favor das águas urbanas e desenvolvimento; segurança hídrica; erosão e transporte de sedimentos; revitalização de rios, recuperação e conservação hidroambiental e etc”, assegurou o ministro.

 

O senador da república pelo Espírito Santo, Magno Malta, que é baiano de Macarani e declarou possuir grandes amigos em Teixeira de Freitas, frisou que é necessária se ter preocupação com a revitalização do Rio Itanhém. “O grande mérito é de que o meu companheiro de partido Agnaldo da Saúde, que o prefeito, que a população organizem um programa com a perspectiva de continuar e que a gente dê passos do tamanho das nossas pernas, que sejam firmes e permaneçam numa caminhada por muito tempo. É um desafio do Governo Federal e também de toda a sociedade teixeirense”, alertou o senador.


Imprimir Facebook Twitter Google